MST cria “dor de cabeça” para Dilma com invasões em SP

SP em notícia pelo mundo
Por Nathan Lopes

“Movimiento de los Sin Tierra, un anunciado ‘dolor de cabeza’ para Dilma Rousseff” (Movimento dos Sem-Terra, uma anunciada dor de cabeça para Dilma Rousseff)
El Mercurio (Chile)30 de janeiro de 2011

As palavras “ameaçadoras” do líder rural José Rainha abriram o texto do jornal chileno. “Novo governo, nova luta. O governo permaneceu adormecido nos últimos oito anos em torno da reforma agrária e temos que nos fazer ouvir para que ele aja”.

Como reflexo desse discurso, 30 prédios foram invadidos no estado de São Paulo, “uma primeira advertência ao Executivo”.

“Depois de ter mantido uma certa tranquilidade nos últimos anos do governo Lula, o Movimento dos Sem-Terra (MST) reapareceu com força e ocupou ao menos 39 fazendas na região do Pontal de Paranapanema, no oeste paulista, que, segundo os ocupantes, permaneciam improdutivas e já haviam sido declaradas terras públicas em processo judicial”.

Segundo o “El Mercurio”, a reclamação por uma reforma agrária integral foi o “ponto pendente” do governo anterior. “A medida, que foi prometida pelo ex-mandatário em sua campanha eleitoral de 2002, nunca foi cumprida”. O jornal diz ainda que “as atuais invasões são consideradas uma forma de pressão para Dilma Rousseff a fim de medir seu compromisso com a reforma agrária”.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em SP em notícia pelo mundo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s