São Paulo em destaque

Por Raphael Scire

As telenovelas brasileiras fazem questão de mostrar as nossas paisagens naturais, uma forma de reforçar as belezas do país quando vendidas para o mercado internacional. O Rio de Janeiro é o cenário quase que certo de muitas produções, independentemente da emissora em que são exibidas.

Porém, tal fato vem se modificando. A cidade de São Paulo ganha cada vez mais destaque na telinha. Na Rede Record, por exemplo, a recém exibida Poder Paralelo, de Lauro Cesar Muniz, era ambientada na terra da garoa. A emissora, apesar de ter sua sede no bairro da Barra Funda, zona oeste da cidade, comprou recentemente um complexo de estúdios para a produção de suas tramas no Rio de Janeiro . Com isso, entretanto, muitas delas estão sendo contadas tendo o Rio ainda como destaque.

Tiago Santiago (Reprodução)

O SBT talvez seja a emissora que mais ambienta suas tramas na paulicéia. Atualmente no ar com Uma rosa com amor, o autor Tiago Santiago escolheu a capital paulista para contar a história de Claude e Serafina. Além disso, ele vem utilizando o litoral sul do estado, em especial o Guarujá – onde o dono da emissora, Silvio Santos, possui um resort, diga-se de passagem – para escrever algumas cenas. Santiago já havia escrito a trilogia Mutantes, na Record, com a cidade servindo de cenário.

A surpresa, porém, é a Rede Globo. A emissora carioca tradicionalmente beneficia o estado natal em muitas de suas histórias. No horário das 19 horas, São Paulo é a bola da vez. Encerrada em janeiro último, a bem sucedida Caras & Bocas, de Walcyr Carrasco, levou para a telinha bairros como os Jardins, na zona sul, e a Lapa, na zona oeste.

Carrasco é um verdadeiro cronista de São Paulo. Suas tramas anteriores, a contemporânea Sete Pecados e as novelas de época Alma Gêmea e O cravo e a rosa, também tiveram São Paulo como pano de fundo.

Walcyr Carrasco (Reprodução)

Caras & Bocas foi substituída por Tempos Modernos, de Bosco Brasil. Desta vez, o centro da capital ganhou destaque. A grande diferença é que, nesta trama, ele foi totalmente repaginado por técnicas de edição, ou seja, o que é visto na telinha é o que o autor gostaria de mostrar, não o que ele realmente é.

A próxima trama do horário será o remake de Ti-ti-ti, escrito por Maria Adelaide Amaral, e que também será ambientada na cidade. A trama original, de 1987, foi escrita por Cassiano Gabus Mendes, autor que constantemente escrevia suas histórias em São Paulo. E Walcyr Carrasco é o nome mais cotado para substituir Maria Adelaide no horário. Ou seja, mais uma vez São Paulo será retratada na telinha.

 

E para completar, Silvio de Abreu vem aí no horário das 21 horas. Ele, que tem 13 obras escritas, 12 delas feitas em São Paulo, escreve Passione. A novela terá locações em bairros tradicionais, como o Jardim Europa, e no emergente Tatuapé. É esperar para ver. De uma forma ou de outra, as novelas que por aqui se passam são formas encontradas por seus autores para homenagear nossa cidade.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em TV

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s